Saltar para o conteúdo

MATLIT-RIT Summer School 2019

02/05/2019


The MATLIT-RIT Summer School is the outcome of a partnership between the PhD Program in Materialities of Literature at the University of Coimbra and the Department of English at the Rochester Institute of Technology. The first MATLIT-RIT Summer School took place in July 2017 (3-9). The second MATLIT-RIT Summer School is scheduled for June 2019 (3-9). The course is taught by students from the PhD Program in Materialities of Literature (under the coordination of the Program Director, Prof. Manuel Portela). It is addressed to BA students from the Rochester Institute of Technology (under the coordination of Profs. Trent Hergenrader and Robert Glick). The course is structured into four modules, one for each day, covering different perspectives on the intersections between literature and digital mediation. It is designed as an introduction to the research topics of the Coimbra PhD Program in ways that are useful for the scholarly and creative practices of RIT students.

Course structure
Module 1: ReCodex (Ana Sabino and Rui Silva)
Module 2: Ex Machina 1 (Ana Albuquerque e Aguilar)
Module 3: Ex Machina 2 (Mariana Chinellato)
Module 4: Vox Media (Tiago Schwäbl)

MATLIT-RIT Summer School 2019 (detailed syllabus) [PDF].

Anúncios

CLP: concursos para a atribuição de duas bolsas de investigação

02/05/2019

Encontram-se abertos concursos para a atribuição de duas bolsas de investigação com a duração de seis meses (mestrado em estudos literários como habilitação), no âmbito do projeto de I&D UID/ELT/00759/2019 – Centro de Literatura Portuguesa, em que a Universidade de Coimbra é a Instituição Proponente, com o apoio financeiro da FCT/MCTES através de fundos nacionais (PIDDAC). Os concursos decorrem de 13-05-2019 a 24-05-2019.

Aceda ao texto integral dos Editais: Bolsa de Investigação 3 (eracareers) e Bolsa de Investigação 2 (eracareers).

MATLIT e a subversão de fronteiras

01/05/2019
Texto de Marie Claire de Mattia e Thales Estefani.
Fotos do Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa
56775675_2525101307519088_2642628286999429120_o

Colóquio Internacional “Metalepse e Transmedialidade”, 4 de abril de 2019, FLUP: João Dionísio, Carolina Martins (MatLit) e Marie Claire de Mattia (MatLit).

Nos dias 4 e 5 de abril, decorreu, na Faculdade de Letras da Universidade do Porto, o Colóquio Internacional Metalepse e Transmedialidade. Organizado pelo Grupo Intermedialidades do Instituto de Literatura Comparada Margarida Losa, da FLUP, o colóquio foi concebido em torno do conceito da metalepse como noção transmedial: a figura do deslizamento ontológico e da porosidade entre níveis narrativos manifesta em diferentes artes.
56927167_2525101014185784_1501677324397969408_o

Colóquio Internacional “Metalepse e Transmedialidade”, 4 de abril de 2019, FLUP: Paulo Silva Pereira (MatLit), Rita Novas Miranda e Thales Estefani (MatLit).

O Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura esteve representado pelos estudantes Carolina Martins, com a comunicação intitulada “To Inhabit Metalepsis: spatial availability as a way of narrative expansion”; Marie Claire de Mattia, que apresentou o trabalho “Authorship and Materialization of the Work of Art at the Cinema: An analysis of Dans la maison (2012) and Ruby Sparks (2012)”; e Thales Estefani, com “Lobo virtual come gente real? Imersão, interação e metalepse em Red Riding Hunt“. Além da contribuição dos investigadores acima referidos, o Professor Paulo Silva Pereira, docente do Programa, também apresentou uma comunicação, intitulada “Un Monde Incertain de Jean-Pierre Balpe: dispositivo, geração textual automática e metalepse ontológica”.

O programa completo do colóquio pode ser acessado através desta ligação.

Conversa Design e Literatura: as MatLit no “Ciclo de Conversas Design+Multimédia”

27/04/2019
Texto de Ana Marques. Fotos de Nuno Coelho.

Conversas Design+Multimedia, 11 de abril de 2019, DEI, UC: Ana Sabino.

No passado dia 11 de abril, as Materialidades da Literatura estiveram presentes no “Ciclo de Conversas Design+Multimédia”, um ciclo anual de palestras realizado no âmbito do curso de Design e Multimédia da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, pertencente aos Departamentos de Arquitectura e de Engenharia Informática. Este ciclo decorreu nos dias 10 e 11 de abril, distribuído por diferentes espaços (Capela do DARQ, Museu da Ciência e Pólo II da UC) e contou com uma programação preenchida que incluiu a visita a uma instalação interativa de Mixed Reality (AR + VR), um Workshop intitulado “Dinner at the table: VR/AR convergence applied to the ‘Last Supper’”, a exibição de filmes sobre os cursos de Design+Multimédia (a cargo dos estudantes do 2º ano da LDM), e sessões como Conversas sobre Cinema, Conversas sobre Cinema de Animação, Conversas sobre Design e Multimédia, e Conversas sobre Design e Literatura, reunindo investigadores e estudantes de diferentes campos disciplinares. O programa completo pode ser consultado aqui: https://www.facebook.com/events/2256828947672974/

Conversas Design+Multimedia, 11 de abril de 2019, DEI, UC: Ana Marques.

Nas “Conversas sobre Design e Literatura”, Ana Sabino e Ana Marques apresentaram os seus trabalhos de investigação numa óptica dialogante com as disciplinas do Design e das Ciências da Informação a convite do Professor Nuno Coelho, docente do Departamento de Design e Multimédia e organizador deste ciclo de conversas que, na edição de 2019, cumpre 10 anos de longevidade. Numa apresentação intitulada “Um percurso ao serviço da palavra”, Ana Sabino falou sobre os modos como se cruzaram no seu percurso pessoal o design e a literatura, que atualmente faz interagir na sua tese de doutoramento, com o título “Instruções de leitura”. Ana Marques, numa apresentação intitulada “Poemáquinas”, falou sobre as relações entre linguagem e computação, discutindo algumas abordagens poéticas aos sistemas computacionais e à automação, à luz do trabalho desenvolvido na sua tese, intitulada “Literatura e Cibernética”. A sala A5.4 do DEI foi palco de uma animada e estimulante conversa que se desenrolou a partir dos comentários e das perguntas lançadas por estudantes e investigadores que, através da óptica do Design, cruzam áreas do saber tão distintas como a Música, a Matemática ou as Ciências da Informação. Esta experiência enriquecedora demonstra a produtividade dos diálogos interdisciplinares e espera-se, por isso, que seja uma de muitas outras oportunidades futuras de interacção.

Estado da arte na investigação em literatura infantil e juvenil

27/04/2019

Texto e fotos de Ana Albuquerque e Aguilar e de Júlia Andrade.

No dia 10 de abril, decorreu, na Universidade de Aveiro, o 2.º Simpósio de Jovens Investigadores em Literatura para a Infância e Juventude (JILIJ), dedicado ao tema “Literatura para a infância e juventude e outras artes”. A organização esteve a cargo de Ana Margarida Ramos, cujo trabalho de investigação em Literatura Infantil e Juvenil é uma referência, bem como de Emanuel Madalena, Inês Costa e Jéssica Silva, jovens investigadores no mesmo campo, também na Universidade de Aveiro.

A conferência de abertura foi proferida por Diana Navas (PUC – São Paulo) e teve como título “Literatura infantil e juvenil e outras artes: a multimodalidade em cena”, na qual foram exploradas as relações da literatura juvenil contemporânea, sobretudo a brasileira, com o cinema, a fotografia e a música.

Tal como sucedeu no 1.º Simpósio JILIJ, a chamada para contribuições foi feita para a submissão de propostas de póster, contudo, dessas, foram selecionadas algumas para apresentação de comunicação. Assim, houve lugar para três mesas-redondas, com o total de dez intervenções, entre as quais, as de Ana Albuquerque e Aguilar e de Júlia Andrade, ambas estudantes do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura. Além da contribuição das investigadoras da Universidade de Coimbra, houve intervenções de investigadores provenientes da PUC – S. Paulo, da Universidade Federal de Uberlândia, do Instituto Politécnico de Macau, da Universidade Lyon 2 – Lumière, assim como das Universidades de Aveiro, do Minho e do Porto. A moderação esteve a cargo de Ana Margarida Ramos (U. Aveiro), de Sara Reis da Silva (U. Minho) e de Cláudia Sousa Pereira (U. Évora), relevantes vozes no âmbito dos estudos em LIJ.

jilij2019-1

Ana Albuquerque e Aguilar apresentou uma comunicação intitulada “Literatura infantil e juvenil digital: a multimodalidade na criação de um ecossistema literário”, em que explorou as relações que a LIJD estabelece com as outras artes, nomeadamente, com a música, a ilustração e a pintura. Por sua vez, Júlia Andrade apresentou o trabalho “Para ver o tempo: relações entre recursos visuais e materiais na representação da temporalidade nos livros de imagens”, no qual analisou o modo como a ilustração de álbuns selecionados, da editora Planeta Tangerina, contribui para a representação e perceção do tempo.

jilij2019-2

Através da exposição e discussão dos pósteres, que ultrapassaram as três dezenas, com proveniência de diferentes países, foi também possível perceber a vitalidade dos estudos em LIJ, sobretudo em contexto português.

Se o primeiro Simpósio JILIJ, em 2018, contribuiu para a criação de um espaço internacional de diálogo para os investigadores neste campo, o segundo veio, certamente, reforçar esta rede de comunicação e de partilha, alargando a visibilidade e a legitimação da investigação em literatura infantil e juvenil.

GRETEL: Literatura Infantil e Juvenil e Educação Literária

02/04/2019

O GRETEL (Grupo de Investigación de Literatura Infantil y Juvenil y Educación Literaria), alocado no Departamento de Didática da Língua, Literatura e Ciências Sociais da Faculdade de Ciências da Educação da Universidade Autónoma de Barcelona (UAB), tem Teresa Colomer como investigadora principal e é coordenado por Ana María Margallo.

Como o próprio nome indica, não sem deixar de evocar a personagem grimmiana, o grupo desenvolve investigação ao nível da educação literária e da literatura infantil e juvenil (LIJ). Entre outras, possui uma linha de pesquisa orientada para a literatura infantil e juvenil digital (LIJD) e para o seu ensino, consolidada por diferentes projetos de investigação e diversas publicações, das quais se destacam os volumes Digital Literature for Children: Texts, Readers and Educational Practices (Peter Lang, 2015) e o mais recente Narrativas Literarias en Educación Infantil y Primaria (Ed. Sintesis, 2018).

Esta equipa é uma referência na definição da LIJD como campo de estudo, contribuindo não apenas para a descrição teórica e análise de novos objetos literários, mas também para a sua didatização, tendo em atenção os diferentes agentes envolvidos no processo educativo. Além de um importante trabalho de curadoria destas obras (http://www.gretel.cat/es/recomendaciones-lij-digital/), tem tido um papel decisivo na formação inicial e contínua de educadores e professores, bem como de bibliotecários e mediadores de leitura.

IMG_0807

Biblioteca de Humanidades, UAB

Entre janeiro e fevereiro deste ano, Ana Albuquerque e Aguilar, estudante do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura, com uma tese dedicada ao ensino da literatura eletrónica, foi investigadora convidada no GRETEL, no âmbito de mobilidade doutoral financiada pela FCT. Sob a supervisão de Mireia Manresa, teve a oportunidade de trabalhar de perto com Ana María Margallo, Cristina Aliagas, Neus Real e Lucas Ramada Prieto, participando em diversos seminários, conferências, reuniões e outras atividades dinamizadas pelo grupo e pelos próprios investigadores. Ao longo desta estada, foram desenvolvidas parcerias que se esperam profícuas e duradouras, tal como a participação de membros do GRETEL na “Teaching Digital Literature” International Conference (FLUC, 25-26 julho de 2019).

Materialidades da Literatura 2019-2020: candidaturas abertas

27/03/2019

DML Guia do Programa | DML Programme Handbook

Encontram-se abertas as candidaturas para o Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura (Programa de Doutoramento FCT) para a edição com início em 2019-2020. As candidaturas decorrem em três fases: 6 vagas na 1ª Fase, de 04 de fevereiro a 29 de março de 2019; 3 vagas na 2ª Fase, 01 de abril a 15 de julho de 2019; 1 vaga mais sobrantes na 3ª Fase, 19 de agosto a 6 de setembro de 2019. O edital referente a este concurso pode ser consultado aqui.

Perguntas Frequentes

A) Quais os critérios de seriação na candidatura ao Programa?
A seriação dos candidatos ao Programa obedece aos seguintes critérios:

1) Classificações obtidas nos níveis de titulação com que se apresenta (30%);

2) Mérito científico do projeto preliminar do candidato (30%) – este projeto preliminar deverá enquadrar-se numa das três linhas de investigação do Programa: “Ex Machina: Inscrição e Literatura” (cf. http://www.uc.pt/fluc/clp/inv/proj/meddig/exmach); “Vox Media: O Som na Literatura” (cf. http://www.uc.pt/fluc/clp/inv/proj/meddig/voxmed); ou “ReCodex: Formas e Transformações do Livro” (cf. http://www.uc.pt/fluc/clp/inv/proj/meddig/recod);

3) Habilitações específicas relevantes para o âmbito científico do curso (10%);

4) Currículo científico (10%);

5) Currículo profissional (10%);

6) Entrevista (10%).

B) Existem Bolsas de Doutoramento a atribuir pelo Programa?
No concurso de 2019-2020 não há bolsas de doutoramento a atribuir pelo Programa. A eventual atribuição de bolsas pelo Programa futuramente dependerá do resultado da avaliação dos Centros de Investigação que se encontra em curso. Uma vez admitidos no Programa, os candidatos podem concorrer ao concurso individual anual da FCT.

C) Como se faz a candidatura?
As candidaturas são feitas através do sistema de informação da Universidade de Coimbra. As instruções para o processo de candidatura em linha podem ser consultadas aqui: http://www.uc.pt/candidatos/online

D) Qual é o valor da propina anual do Programa?
A propina anual do Programa é atualmente de 1417,00 €, a pagar em prestações.

 

Mais informações nas seguintes entradas:

1. O que é o Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura?

2. Plano de Estudos do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura (Cf. Despacho Nº 2666_2011, Diário da República_2ª série_Nº26_de 7 de Fevereiro de 2011, pp. 6913-6914)

3. Docentes e Professores Convidados do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura (2010-2018)

4. Estudantes do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura (2010-2018)

5. Requisitos de Acesso ao Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura

6. Procedimentos de candidatura

7. Reconhecimento do Programa para efeitos de progressão na Carreira Docente

8. Vídeos com depoimentos de Doutorandos e registos de seminários de Professores Convidados (2011-2014)

9. MATLIT em 90 segundos (2018): dez projetos de Doutoramento do Programa explicados pelos respetivos autores em 90 segundos.

10. MATLIT:  Materialidades da Literatura (Revista científica de âmbito internacional cobrindo as diversas linhas de investigação do Programa – 10 números publicados, 2013-2018)

11. Arquivo LdoD: Arquivo Digital Colaborativo do Livro do Desassossego (2012-2017): resultado principal de projeto de investigação do Centro de Literatura Portuguesa financiado pela FCT, desenvolvido no âmbito do Grupo de Investigação «Mediação Digital e Materialidades da Literatura»

12. Ex Machina: Inscrição e Literatura (2015-2022): projeto de investigação do Centro de Literatura Portuguesa, desenvolvido no âmbito do Grupo de Investigação «Mediação Digital e Materialidades da Literatura»

13. Vox Media: O Som na Literatura (2015-2022): projeto de investigação do Centro de Literatura Portuguesa, desenvolvido no âmbito do Grupo de Investigação «Mediação Digital e Materialidades da Literatura» (Vox Media website)

14. ReCodex: Formas e Transformações do Livro (2015-2022): projeto de investigação do Centro de Literatura Portuguesa, desenvolvido no âmbito do Grupo de Investigação «Mediação Digital e Materialidades da Literatura»

15. Inanimate Alice: Tradução de Literatura Digital em Contexto Educativo (2016-2018): projeto de investigação do Centro de Literatura Portuguesa, desenvolvido no âmbito do Grupo de Investigação «Mediação Digital e Materialidades da Literatura»

16. Estudos Literários Digitais (14-15 de maio de 2015) | Digital Literary Studies (May 14-15, 2015): colóquio internacional organizado pelo Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura

17. Language and the Interface (2015): exposição internacional organizada pelo Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura

18. Variações sobre António: Um Colóquio em Torno de António Variações (7-8 dezembro 2017): colóquio organizado pelo Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura e pela Área de Estudos Artísticos da Faculdade de Letras de Coimbra

19. Caminhos da Literatura no MATLIT LAB: Um Laboratório de Humanidades (2019): exposição de criações literárias experimentais produzidas no âmbito do Programa

20. Histórico das atividades do Programa (2010-2019)

Esclarecimentos adicionais: Prof. Manuel Portela, mportela@fl.uc.pt