Saltar para o conteúdo

MATLIT em 90 segundos

Em 2010-2011, começou na Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra um novo Programa de Doutoramento com a designação de “Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura”. O seu caráter inovador foi reconhecido em 2013 através do financiamento como Programa de Doutoramento FCT (25 bolsas atribuídas entre 2013 e 2018). Organizado desde o início segundo uma dinâmica colaborativa de grupo de investigação e com um perfil internacional, o objetivo deste Programa é construir novas teorias, novos métodos e novos objetos a partir da análise das materialidades da comunicação na arte literária. A pergunta “O que são as Materialidades da Literatura?” – feita por quem encontra esta designação pela primeira vez – é também a pergunta que a nossa investigação formula e à qual procura responder. A série de vídeos “MATLIT em 90 segundos”, produzida pelo Gabinete de Comunicação e Imagem da FLUC, pretende divulgar o Doutoramento em Materialidades da Literatura através de uma amostra dos temas de trabalho dos/as nossos/as doutorandos/as.

 

 

1. Como se ensina literatura a partir de uma obra digital? Ana Albuquerque e Aguilar, «Educação literária na era digital: o contributo da literatura eletrónica»

 

2. Um texto escrito contém instruções sobre a sua própria leitura? Ana Sabino, «Instruções de leitura: Um estudo sobre convenções gráficas de apresentação da palavra escrita»

 

3. Um arquivo literário digital pode ser apropriado criativamente? Cecília Magalhães, «Fragmentos em prática: interação, colaboração e criatividade no Arquivo LdoD»

 

4. As interações táteis e gestuais são elementos expressivos na literatura digital? Diogo Marques, «Dígitos que lêem: Processos de leitura háptica na experienciação de obras literárias digitais»

 

5. Como se manifesta o livro na obra literária e artística de Almada Negreiros? Giorgia Casara, «As fronteiras do livro em Almada Negreiros»

 

6. Qual a expressão literária e estética da sociedade da vigilância? Joana Fonseca, «Digital Eyes: a estética da vigilância na tecnodistopia digital»

 

7. Como se relacionam a materialidade de um corpo-sujeito e a materialidade da escrita? Marie Claire De Mattia, «O Corpo Feminino Negro e a Escrita de Paulina Chiziane e Ama Ata Aidoo»

 

8. Em que sentido um escritor é uma máquina de escrever? Raquel Gonçalves, «Possibilidades de infinito: As máquinas literárias de Gonçalo M. Tavares e Herberto Helder»

 

9. De que modo uma página participa na construção narrativa? Sofia Escourido, «A página como possibilidade: Patrícia Portela, Joana Bértholo e Afonso Cruz»

 

10. De que forma o desenho tipográfico da letra participa na produção do poema?  Tiago Santos, «Arqueologia e expressividade da letra tipográfica na poesia de Augusto de Campos»

Anúncios
%d bloggers like this: