Skip to content

Seminário Transversal, por Joseph Tabbi

04/02/2014

MatLit_Cartaz_JT_14Fev2014

Assinalando a abertura do 2º semestre, Joseph Tabbi, professor convidado do Programa de Doutoramento em Materialidades da Literatura, lecionará um seminário transversal, intitulado «Relocating the Literary: In Networks, Knowledge Bases, Global Systems, Material and Mental Environments», no próximo dia 14 de fevereiro de 2014, pelas 14h30, na Sala Ferreira Lima (6º piso, Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra). As inscrições para a sessão serão limitadas, podendo os interessados inscrever-se pelo correio eletrónico do programa em Materialidades da Literatura: materialidades.da.literatura@gmail.com

Abstract

The cosmopolitan ideal of a world literature, only partially  and occasionally realized in print, can give us terms with which to measure the costs and benefits of moving scholarly works, and our conversations about works, into present media. I take an optimistic view of our current potential, as literature moves not simply from print to screen, across national borders or among avant-garde aesthetics. The defining move, I want to argue, is from bounded forms to the database whose works, while stable, remain open to linkages with all other literary forms available in any number of interoperable databases. Along these lines, I argue that by shifting our expectations to the means of circulation, among minds and media, we are more likely to discern what is really new, and really global about writing in the media ecology we currently inhabit. As the field of electronic literature develops together with more cognitive, knowledge based economies, we might expect literary databases to bring forward connective tissues and contextualizing conversations in the same electronic medium where works of literature now reside. JT

Joseph Tabbi é Professor de Literatura Norte-Americana e de Literatura Eletrónica no Departamento de Inglês da Universidade de Illinois em Chicago. No ano letivo 2013-2014, é também Professor Visitante no Departamento de Inglês da Universidade de Colónia. Licenciado em engenharia física e em inglês pela Universidade de Cornell (1983) e doutorado em inglês pela Universidade de Toronto (1990), Tabbi é especialista em ficção pós-modernista norte-americana, tendo publicado ensaios sobre Thomas Pynchon, Norman Mailer, Joseph McElroy, Don DeLillo, William Gibson, Kathy Acker, David Foster Wallace, William Gadis, David Markson, Richard Powers, Lynne Tillman e Paul Auster, entre outros. A sua obra teórica centra-se nas relações entre literatura, ciência e tecnologia. É o atual diretor da revista ebr electronic book review, da qual foi membro fundador em 1996. Foi também um dos fundadores da Electronic Literature Organization em 1999 – organização à qual presidiu entre 2007 e 2010 –, sendo o coordenador do Electronic Literature Directory. Dirige o Comité Editorial do CELL (Consortium for Electronic Literature), um consórcio entre projetos e centros de investigação cujo objetivo é desenvolver uma taxonomia para a literatura eletrónica e integrar as respetivas bases de dados num único motor de pesquisa. Joseph Tabbi é autor dos livros Postmodern Sublime: Technology and American Writing from Mailer to Cyberpunk (Ithaca: Cornell University Press, 1995) e Cognitive Fictions (Minneapolis: University of Minnesota Press, 2002). Organizou as obras Reading Matters: Narrative in the New Media Ecology (Ithaca: Cornell University Press, 1997) e Paper Empire: William Gaddis and the World-System (Birmingham: University of Alabama Press, 2007). Trabalha atualmente numa biografia do romancista William Gaddis (1922-1998). A visita do Prof. Tabbi à Universidade de Coimbra é apoiada pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia no âmbito dos Programas Doutorais FCT.

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: